Esotérico

Fadas

Fadas (Elementais Das Flores)

Se você sair por aí perguntando o que as pessoas acham a respeito das Fadas ou se elas existem mesmo, obterá as mais variadas respostas para o assunto.

Algumas pessoas lhe dirão que elas são espíritos da natureza... Outras acreditam que são espíritos das trevas que habitam nos limites das dimensões terrestres... Há quem diga que são anjos caídos...

Por estarem associadas a mitos pagãos, os líderes religiosos da Idade Média as rotularam de "espíritos demoníacos", tentando desmistificá-las nos antigos ritos e crenças encontrados em toda a Europa. Contudo, existem referências a elas por todos os cantos do globo. No Japão, crê-se que podem ser encontradas em certos bonsais sagrados. Na África, elas são invocadas para obter certos favores. Alguns estudiosos de mitologia chegaram à conclusão de que a crença na existência das fadas decorre da adaptação ou má compreensão de mitos mais antigos. Mas também acontece de encontrarmos certas fadas que nos levam a crer que tenham sido criadas pela fértil imaginação humana, sempre pronta em encontrar apoio externo para solucionar seus problemas e dificuldades. Outras, foram criadas para explicar certos fenômenos naturais para os quais a humanidade ainda não tinha respostas racionais. Contudo, é bastante interessante observar que em países distantes entre si, como na Índia e Polinésia, as fadas possuem nomes com raízes semelhantes aos nomes utilizados pelos povos germânicos e celtas. Por si só, esta é uma sugestão de que tiveram um berço comum, que reside muito longe na pré-história.

O paganismo moderno, entretanto, tem outro ponto de vista a respeito das fadas. Acreditam que foram criadas pelos deuses da mesma forma que os seres humanos e os outros animais. São uma forma de vida que acontece paralelamente ao nosso mundo visível, em um plano astral ou interior. Contudo, elas têm a habilidade e capacidade de transcender esses planos e rapidamente viajar através deles.

De certa maneira, estão associadas aos elementais, embora não sejam uma forma de energia pura. São seres pensantes que têm sentimentos e podem realizar encantos ou mesmo agir junto com bruxas e feiticeiras para diversas atividades mágicas ou ritualísticas. A participação e a interação das fadas na vida cotidiana de nossos ancestrais pagãos era uma ocorrênciabastante comum. Há quem diga que houve um tempo, quando os dons intuitivos dos seres humanos erammais despertos, que fadas e humanos relacionavam-se normalmente entre si. As crenças pagãs afirmam ainda que trabalhavam e viviam juntos. Mas, conforme as nossas capacidades mentais se tornaram mais representativas, os seres humanos acabaram por colocar as fadas em segundo plano em seu imaginário e cotidiano. Com o tempo, mesmo as crenças pagãs passaram a atribuir às fadas outros papéis que diferiam dos iniciais. Como conseqüência, houve desentendimentos entre os dois reinos, bem como, as diferenças entre ambos se tornaram mais acentuadas. E foi assim que as fadas se tornaram travessas, caprichosas e ciumentas, especialmente quando os seres humanos as exploravam e às suas dádivas e presentes... Da mesma forma que fazemos hoje com a Mãe Terra

As fadas moram embaixo da terra, sobre as águas, ou até mesmo no ar(nos galhos das árvores). Elas não gostam de serem vistas pelas pessoas e podem aparecer e desaparecer num piscar de olhos. Mudam de forma quando há necessidade. Deixam felicidade e sorte por onde passam Um Aviso: Jamais espie o banho das fadas na cachoeira, pois esse banho é um ritual mágico e secreto. Quem desobedecer mergulhará no Mundo da Fantasia e não conseguirá mais voltar para a vida real
publicidade

Primeira Feira Mística
Parque das Ruínas




siga-nos